Missionários concluem o primeiro Curso de Formação para Ministros Extraordinários da Palavra

Posted on 10/06/2013

0



DSCN9956-300x225A  Arquidiocese de Olinda e Recife tem 60 novos missionários. Foram apresentados neste domingo (9), durante a missa na Igreja Catedral, Sé de Olinda, os leigos que concluíram o primeiro Curso de Formação para Ministros Extraordinários da Palavra. Os homens e as mulheres de 11 paróquias terão agora a missão de auxiliar os padres na evangelização das famílias. Essa é mais uma ação que visa imprimir na arquidiocese e atender ao plano pastoral que pede uma “Igreja em estado permanente de missão”.

De acordo com o vigário episcopal de Olinda e responsável pelo curso, padre Sandro Corazza, a formação começou em março e terminou em maio. Foram dez domingos de aulas ministradas por teólogos na Faculdade de Igarassu (Facig). “Foi uma experiência muito bem sucedida, graças à força de vontade dos alunos que participaram. Todos estavam cientes da necessidade de ter uma formação para assim termos de fato uma Igreja missionária”, afirmou o sacerdote.

O jovem Ítalo Holanda, da Paróquia de Nossa Senhora dos Prazeres, em Paulista, foi um dos participantes do curso. Ele exaltou a iniciativa da arquidiocese e elogiou a formação. “Foi tudo muito bom, aprendemos bastante sobre liturgia e outras coisas importantes da nossa Igreja. É um curso necessário, não só para nosso vicariato, mas para toda a arquidiocese que precisa de missionários capacitados”, destacou.

No próximo ano, serão abertas novas vagas. Segundo padre Sandro Corazza, neste ano ainda, haverá dois encontros de avaliação com os primeiros missionários capacitados. “Vamos avaliar a experiência prática de cada um deles e aperfeiçoar o próximo curso. Nossa intenção é continuar com as aulas de formação, contribuindo para o nosso plano pastoral”, adiantou o religioso.

Da Assessoria de Comunicação AOR

Anúncios